FLUINDO MAL‎ > ‎Notícias de 2012‎ > ‎

Notícias de 2012 - 06 - Junho

BRT (Bem Ruim de Tudo)
29/06/2012 -  Como foi previsto a Transoeste registrou o primeiro acidente fatal. Ontem (28/06) um motociclista foi atropelado e, de acordo com a Federação das Empresas de Transportes do Estado (Fetranspor), já caiu sem vida na pista reservada aos ônibus articulados. O fato em si descortina o perigo que ronda a via que não tem nenhuma proteção lateral para impedir a invasão de pessoas, animais e outros veículos. Sem um gradil é certo que outros tipos de acidentes mais graves vão acontecer, até porque o delimitador da pista é muito baixo. Ao invés de campanhas educativas é melhor instalar proteção preventiva
-----------------------------------------------------------------------
A prefeitura vai inaugurar mais uma obra incompleta: O Mergulhão da Barra. Ah eleição!

BRT (Bem Ruim de Tempo)
28/06/2012 -  E os problemas da Transoeste parecem se multiplicar. Ontem (27/06), após o acidente com um motociclista, pode-se observar que as pessoas continuavam a atravessar a via expressa e, teoricamente, exclusiva aos ônibus de dois vagões. Algumas transitavam com carrinhos de bebe e reclamavam da distância de quase de 1,5km entre os locais de travessia. O problema de cruzamentos de nível e não haver muros de proteção já induzia a acontecimentos como os fatos como os citados acima. Agora a prefeitura vai gastar mais verbas com campanhas de conscientização, faixas, cartazes, outdoors, panfletos e toda a sorte de materiais para avisar a população para atravessar nos locais corretos. Difícil vai ser convencer.
BRT (Busão Ruim de Trânsito)
27/06/2012 -  Com já era esperado a Transoeste não teria o resultado teorizado para resolver a vida de quem mora em Santa Cruz. Os problemas são muitos que vão desde a falta de bilhetes para venda até o número de passageiros para embarcar. O secretário de transportes pôs a culpa no excesso de pessoas para usar o serviço. Só que a prática comprova o que a população já sabia: 
1. As faixas sem proteções laterais vão fazer pessoas, animais e outros veículos trafegarem nela.

2. Dois vagões, com prazo entre ônibus de 5 minutos, para  uma demanda de quase 3 milhões de pessoas é muito pouco.
3. A quantidade de pessoas nas estações e o empurra-empurra para o embarque.
4. O atrazo na circulação dos ônibus.
5. Atropelamento de uma pessoa ontem (26/06) e uma hoje (27/06) pela manhã.
6. O tempo de viagem que continua absolutamente o mesmo.
Ainda faltam: os caloteiros e um ônibus enguiçar para saber o que vai acontecer, mas é previsível haver um quebra-quebra.
Todos os problemas operacionais já tinham sido apontados aqui muito antes da inauguração. Um metrô, mesmo de superfície, seria a solução para minimizar o problema dos moradores da Barra, Recreio, Santa Cruz e adjacências. Agora o BRT está sendo chamado pelos usuários de BRTrem. A sigla sugere outros apelidos. Quem se arrisca?
----------------------------------------------------------------------------
Outra obra entregue incompleta: Parque de Madureira

Risco na Grajaú-Jacarepaguá
22/06/2012 - Quem passa pela Estrada Grajaú-Jacarepaguá, sentido Centro, percebe que as encostas próximas à comunidade do Morro do Encontro estão completamente degradadas. O terreno de sustentação da tubulação de esgoto já sumiu deixando à mostra os encanamentos que, agora, estão flutuantes. Em alguns pontos a camada de concreto que cobria parte da encosta, como forma de evitar deslizamentos, também encontram-se suspensa tornando-se um risco para os moradores e para os motoristas que passam por lá.
Rio +20x6 minutos no trânsito
21/06/2012 - É fácil para a Prefeitura do Rio pedir paciência e que a população utilize transportes coletivos . Deve-se ressaltar que o prefeito vem trabalhar em seu helicóptero particular e não tem que enfrentar os problemas caóticos causados pelas inúmeras passeatas que dão nós no trânsito e fazem com que o tempo de deslocamentos quadruplique. A cidade, verificou-se nesse pequeno encontro, está despreparada para receber eventos de grande envergadura sem que isso traga prejuízos gigantescos para a sua população. A coisa só não está pior por conta dos recessos escolares e dos órgãos públicos. O negócio é se preparam para a Copa das Confederações, Copa do Mundo, Olímpiada...
Rio +20 -paciência
20/06/2012 - Quem viveu a época da Ditadura Militar deve lembrar das dezenas de passeatas, normalmente contidas com violência, mas nunca na história deste município, houve tantas em apenas uma semana. As 3 do dia 18/06, somadas às duas de ontem e mais as duas de hoje (20/06) somam 7 passeatas em apenas 3 dias. Equivale a uma por dia durante todos os dias da semana (inclusive sábado e domingo). Qualquer forma de protesto é válido e legítimo, mas não pode ser maior que o bem comum. A paciência de quem produz fica menor a cada passeata e aumenta a rejeição a qualquer manifestação que atrapalhe o trânsito.
Rio +20 +engarrafamento 
18/06/2012 - Quem precisava chegar cedo ao trabalho nesta manhã de segunda-feira (18/06), foi surpreendido por uma passeata que iniciou às 8h, com concentração no Sambódromo do Rio de Janeiro. O que a prefeitura deveria ter previsto é o enorme engarrafamento que se formou por conta da interrupção do trânsito nas pistas laterais da Av. Presidente Vargas e da Rua Benedito Hipólito, e, mais tarde, Av. Rio Branco, Rua da Assembléia da Carioca. Permitir que a legalíssima Marcha das Mulheres fosse feita no horário de pico nos mais importantes corredores viários da cidade foi, no mínimo, uma falta de respeito da prefeitura com quem precisa trabalhar e com as manifestantes. 
------------------------------------------------------------------------
E a Trans-Oeste já registrou dois acidentes em um final de semana. Começou mal!

Túnel com buraco
12/06/2012 - Como foi veiculado aqui neste site, tudo no Rio é inaugurado a toque de caixa para depois ser corrigido. Foi assim com a Cidade da Música e com a Trans-Oeste e não poderia deixar de ser com o Túnel da Grota FundaRecreioZona Oeste da cidade. Nem bem foi liberado, e construído com o que há de mais moderno em termos de pintura, exaustão e contenção, já existe um buraco de quase meio metro na pista sentido Barra. Acho que adaptaram as modernidades para o padrão brasileiro.
Prefeito de skate
11/06/2012 - O prefeito do Rio inaugurou mais uma obra na cidade e, mais uma vez, passeou em cima de um skate durante o evento. A obra, o viaduto que liga os dois lados da Avenida João Ribeiro, em Tomás Coelho, estará ligado a Avenida Automóvel Clube e servirá como ligação a Estrada Velha da Pavuna. Isso facilita a vida, principalmente, dos moradores do Engenho da Rainha, Tomás Coelho e Cavalcante. O problema é que nota-se o tom eleitoreiro das inaugurações já que o prefeito insiste em se mostrar skatista como já tinha feito na Barra da Tijuca.
Começo ruim
08/06/2012 - Ontem foi inaugurado o ônibus articulado na primeira das Trans-alguma-coisa. O resultado foi ruim por conta da falta de planejamento na emissão de bilhetes, que foi insuficiente, e de alguns ajustes no sistema de controle da sinalização. Junto com ele, vieram as primeiras justificativas para o sistema ter apresentado problemas: pessoas atravessando fora dos sinais, animais cruzando a pista, motoristas parando em estações que não foram inauguradas. O pior de tudo foi a ausência de acesso para os cadeirantes nas estações. Vale lembrar que ônibus articulado no Rio não é novidade! Isso já foi experimentado (veja aqui), sem sucesso, pela extinta Companhia de Transportes Coletivos (CTC). Porém, em ano de eleição, tem gente que tem que mostrar serviço. Aí se inaugura tudo na base do mais-ou-menos para acertar depois.
Caminando por la calle (2)...
06/06/2012 - Ipanema Leblon são considerados os metros quadrados mais caros do Rio. Nem por isso estão isentos dos problemas que envolvem a cidade. Nesta semana, por razões diferentes, aparecem na mídia de forma bem ruim: o Leblon por conta da queda da fachada do extinto Scala que interditou a Rua Afrânio de Melo Franco, uma das mais importantes do bairro nobre. Já Ipanema chega às notícias por conta do enorme buraco que, volta e meia, insiste em dar o ar da (des)graça na Rua Gomes Carneiro, por culpa da ruptura da tubulação de esgoto que já engoliu um escultor de areia no mês passado. Os problemas, ainda que distintos, mostra que a cidade continua descuidada. E não importa de quem é a culpa!
Caminando por la calle...
04/06/2012 - Apesar de as prefeituras tentarem o chamado choque de ordem, a desordem impera nas vias e ruas do Rio e Niterói, principalmente, nos fins de semana quando a fiscalização é menor. Na capital fluminense o problema é maior nas ruas Presidente BackerRui BarbosaQuintino Bocayuva e na Estrada Leopoldo Fróes. Já no Rio os problemas se concentram nas ruas de bares da Zona Sul e Lapa e nos shoppings de bairro, como Botafogo Praia Shopping e o Center ShoppingRio, por exemplo, em que os motoristas preferem estacionar nas ruas próximas para não terem que pagar os estacionamentos. Isso, além de prejudicar o trânsito, eleva o perigo de assaltos uma vez que duvidosos flanelinhas passam a cobrar preços abusivos pela guarda dos veículos. 
Jacarezinho! Avião!
01/06/2012 - Ontem foi uma vaca em Japeri, hoje (01/06) um cavalo no Jacarezinho. Com isso a SuperVia vai tentando driblar os riscos de pouca, ou total, falta de verificação de segurança em suas linhas férreas. Os passageiros, à mercê dos problemas quase diários, vão tentando explicar aos patrões seus atrazos constantes, ora em um ramal ora em outro. Os esforços da empresa em tentar manter a boa imagem junto a seus usuários vai sendo atropelado pelos diversos acidentes que se engarrafam em seguidas explicações que não se justificam. O fato é que o trem sem síndico, não corre na Central do Brasil.